1 2 3 4

domingo, 9 de junho de 2013

Parte 1: Minha saga em busca do ruivo acobreado



Oi!
Até que enfim arrumei um tempinho no meio de tantas coisas que eu devo fazer para entrar neste blog aqui que eu tanto amo.

Bom, o post de hoje é sobre cabelos ruivos mas não aquele tom cereja/vermelho e sim aquele laranjinha, acobreado, caramelo... vocês entenderam....

Resolvi adotar essa cor para ser dos meus cabelos.
Minha cor natural é castanho claro, com tendência para dourado. Bom, a tendência do cabelo é aquela que fica quando você está sob luz ou com os fios queimados polo sol.

Não tenho nenhum alisamento ou progressiva, ou seja, nenhum tratamento. Vou no salão raramente, mas sempre faço hidratação em casa. A única coisa que meu cabelo tinha era umas luzes que fiz um ano atrás. Já estava crescidas na altura da orelha. A cor das luzes estavam num tom platinado, que particularmente não gosto. Gosto mesmo é dos tons dourados, tipo Aline Moraes em Da Cor Do Pecado (vixe, fui buscar inspiração lá no fundo do baú, kkkk). A cor estava contrastando muito com a raiz e então fiz uma busca na internet sobre, tinturas, colorações, banho de brilho, essas coisas...

Queria uniformizar mais meu cabelo. Daí tomei inspiração numa foto minha que eu tirei no Instagram como filtro "toaster": onde tinha raiz, ficou um laranjinha escuro, onde tinha luzes, laranjinha desbotado.

Falei com Lilian, a esposa do meu tio que é cabeleireira e, dentre as cores que eu já tinha visto na internet, ela sugeriu o 814 Caramelo da Casting Creme Gloss, L'oreal Paris. Ela falou que a 814 não tem amônia e outras coisas lá que cabeleireiros sabem.

Meu cabelo é ENORME, dois dedos abaixo da cintura. Comprei duas caixas. Foi a Lilian que preparou, misturou e aplicou a tintura. Um detalhe que as pessoas sempre querem saber: eu estava com cabelo sujo. Preferi assim pois tenho alergia a muitas coisas e fiquei com medo de ocorrer alguma reação, assim a oleosidade natural protegeria mais. Ah! Falar em alergia, fiz o teste de mecha que eles descrevem na bula.

Assim que os componentes que serão aplicados no cabelo são misturados, tudo fica roxo. Fiquei apavoradinha, mas ela falou que a ser aplicado, tudo ficaria laranja. E realmente foi assim. Não se assustem, hehehe!

Depois de esperar a tinta agir, fui enxaguar no chuveiro, lavei com meu shampoo normal e usei o creme que já vem na caixa. O cheiro é delicioso mas admito que o cheiro da tinta se sobressai.

O RESULTADO FINAL:
Amei a cor final. Ficou super natural! Na raiz que era virgem, ficou cobre e nas pontas, laranjinha desbotado. Tirei uma foto sob luz do Sol para vocês verem:

Quero muito chegar na hora do retoque para que fique mais laranjinha ainda!!! Mas tenho que ter cuidado porque não sou tão branquinha assim, e não quero parecer muito artificial.

Daqui a um mês, volto com a parte 2 da minha saga buscando o ruivo perfeito.

Beijonas!!!
 

                       Abelha Rainha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...